Tribunal de Justiça da UE retira imunidade parlamentar a Puigdemont

Luxemburgo - O Tribunal de Justiça da União Europeia (EU) retirou hoje, quinta-feira, a imunidade parlamentar ao ex-presidente do Governo da região autónoma da Catalunha, Carles Puigdemont, e aos também eurodeputados catalães Toni Comín e Clara Ponsatí.

Na sentença proferida hoje (30), segundo o site “Notícias ao Minuto”, o Tribunal revogou a decisão provisória que tinha sido adotada no passado dia 2 de Junho ao conceder temporariamente aos três eurodeputados a imunidade parlamentar.

A decisão anterior tinha ficado a dever-se ao recurso que os três eurodeputados do partido JxCAT tinham apresentado contra a decisão do Parlamento Europeu. 

(Notícia em actualização)

Na sentença proferida hoje (30), segundo o site “Notícias ao Minuto”, o Tribunal revogou a decisão provisória que tinha sido adotada no passado dia 2 de Junho ao conceder temporariamente aos três eurodeputados a imunidade parlamentar.

A decisão anterior tinha ficado a dever-se ao recurso que os três eurodeputados do partido JxCAT tinham apresentado contra a decisão do Parlamento Europeu. 

(Notícia em actualização)