Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

09 Abril de 2012 | 13h43 - Atualizado em 09 Abril de 2012 | 15h16

Ministro da Agricultura transmite experiências a homólogo congolês

Conferência/FAO

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar


Luanda – O ministro da Agricultura, Desenvolvimento Rural e Pescas, Afonso Pedro Canga, abordou hoje, em Luanda, com o seu homólogo do Congo, Maboundou Rigobert, questões relacionadas à 27ª Conferência Regional para a África da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO), que se realizará em Brazzaville de 23 a 27 deste mês (Abril).


Durante o encontro, segundo declarações do ministro angolano, que presidiu o fórum desde 2010, passou informações ao seu homólogo congolês (futuro presidente da conferência) sobre aspectos organizativos e como decorreu o mandato de Angola.


Pedro Canga disse à imprensa que Angola, nos dois anos que presidiu a conferência regional, acompanhou alguns projectos sobre segurança alimentar e combate à fome e registou a ocorrência de fome na região do Corno de África, tendo ajudado na procura de soluções e fez uma doação de cinco milhões de dólares norte-americanos para minimizar a situação.


“Nós vamos continuar a trabalhar nessa senda para que a África possa combater a fome e a insegurança alimentar”, afirmou o ministro Pedro Canga, acrescentando que além dos assuntos sobre a conferência conversaram acerca das relações bilaterais, tendo em conta a partilha de fronteira, entre os dois países, e a experiência de Angola no domínio das Pescas e a do Congo na área florestal.


Por sua vez, o governante congolês disse a jornalistas, no final do encontro, que o objectivo do seu país é realizar condignamente à 27ª conferência e poder materializar as suas recomendações, superando o que Angola fez durante o seu mandato.


Disse também que está ao corrente dos assuntos sobre segurança alimentar, reforma do comité de segurança alimentar mundial, erradicação da fome no Corno de África e a questão do prémio “Jacques Diouf”, que visa galardoar os países que se destacarem em termos de segurança alimentar, promoção da agricultura africana e sobre o programa detalhado de desenvolvimento da agricultura no âmbito da NEPAD- Nova Parceria para o Desenvolvimento de África.


De acordo com Maboundou Rigobert, a conferência a decorrer no Congo prevê acolher pelo menos trezentas pessoas de todos os países de África.

Assuntos Província » Luanda  

Leia também
  • 29/08/2013 19:41:27

    Aprovada reestruturação do Conselho de Administração da Sonangol

    Francisco de Lemos José Maria (Presidente do Conselho de Administração), Anabela Soares de Brito da Fonseca (Administradora) e Ana Joaquina Van-Dúnem Alves da Costa (Administradora). Completam a lista Fernandes Gaspar Bernardo Mateus (Administrador), Fernando Joaquim Roberto (Administrador), ...

  • 23/08/2013 06:20:50

    Governante constata obras de impacto social

    Em declarações à Imprensa, a governante manifestou sua satisfação pelo estado avançado em que se encontram as referidas obras, tendo adiantado que, em finais de Setembro do ano em curso, a circunscrição vai beneficiar destes projectos sociais importantes para melhoria das condições de vida dos ...

  • 22/08/2013 17:37:33

    Assomicro forma membros para fomento do primeiro emprego

    Em declarações hoje à Angop, o presidente da referida associação, Carlos da Gama, disse que os promotores de micro e pequenas empresas estão a ser formados em matérias sobre como abrir uma empresa e a sua gestão. Salientou que a juventude tem sido a grande afectada pela falta de oportunidade ou ...

  • 20/08/2013 20:50:49

    Ministro da Geologia e Minas recebe investidores do Koweit

    Segundo uma nota de imprensa do ministério chegado hoje à Angop, o grupo, que prevê cumprir um vasto calendário trabalho, manifestou o interesse em financiar vários projectos de desenvolvimento. Deste modo, o AIDCO vai manter encontros com o vice- presidente da República, Manuel ...