Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Desporto

26 Maio de 2011 | 23h45 - Atualizado em 26 Maio de 2011 | 23h44

Seleccionador continua pesquisa de jogadores na Europa

Futebol

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar


Vale do Lobo (Do enviado especial) - O técnico da selecção nacional de futebol, Lito Vidigal, afirmou hoje em Vale do Lobo (Portugal), que vai continuar a “sondar” jogadores angolanos na Europa, visando alargar as opções nos “Palancas Negras”.


Falando à Angop, o seleccionador manifestou o interesse em descobrir talentos, assim como influenciar jogadores que se recusam a representar a selecção nacional, tendo em agenda deslocações a Holanda, Polónia, Itália, Suiça, França, Alemanha e Bélgica, países em que eventualmente haja muitos angolanos a evoluírem em equipas da 1ª e 2ª divisões.


Para tal, explicou, vai criar uma base de dados sobre os futebolistas angolanos na diáspora com nome de clubes, posição e idade e só depois deslocar-se-á ao encontro dos mesmos para apresentar-lhes o seu projecto, que considera sério e credível.
 

“Temos que ter a possibilidade de nos deslocarmos para os países onde actuam e conversar com eles antes de os convocar. É nossa obrigação apresentar-lhes as intenções para convence-los a representar a selecção, sobretudo os que actuam em equipas grandes na Europa, que acham não ter nada a ganhar vindo para a selecção”, referiu.
 

Lito Vidigal lamentou as ausências, por razões desconhecidas, dos defesas Kusunga, do Basileia da Suiça, e Kavanda, da Lázio de Itália, além do médio Matuidi, do Saint-Étiene da França, os quais queria observar no estágio terminado hoje.


Admitiu que as ausências se devem a falta de apresentação prévia do projecto dos Palancas Negras aos referidos atletas.