Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

18 Dezembro de 2005 | 13h40

Lunda Sul: Região nordeste regista quatro mil e 255 crimes diversos

Saurimo

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Saurimo, 18/12 - A região nordeste, que compreende as províncias de Malanje, Moxico e as Lundas Norte e Sul, registou, de Abril de 2004 à Dezembro do ano em curso, quatro mil 255 crimes de natureza diversa, sendo 2. 330 contra pessoas.

Esta informação foi avançada pelo comissário António Martins de Sousa "Kipakassa", conselheiro do comandante geral da Polícia Nacional, para a região nordeste, no actode encerramento do quinto encontro regional das delegações e comandos provinciais, que terminou hoje nesta cidade de Saurimo.

Dos crimes registados, destacam-se 530 contra a ordem pública, 1.250 contra propriedades, 880 acidentes, 1. 250 contra a economia, enquanto que 190 mil 884estrangeiros de diversas nacionalidades foram repatriados da região.

O comissário Kipakassa solicitou maior reforço na cooperação ao combate a criminalidade e a consolidação dos exitos alcançados.

O oficial general da polícia disse ainda que a manutenção da ordem pública, a tranquilidade e a preservação da paz são as prioridades para o garante da realização das eleições no país.

O reforço dos órgãos policiais, bem como o trabalho operativo para a redução dos índices de criminalidade, devem pautar por uma cooperação com outras instituições que intervêm na administração da justiça e da sociedade civil,acrescentou.

Os participantes ao quinto encontro analisaram, com satisfação, a cobertura dos postos de guarda fronteiras na região e a circulação de pessoas e bens.

A necessidade de se incrementar o sistema de policiamento de proximidade, no sentido de criar condições que visem reduzir os índices de criminalidade originados pela crença ao feiticismo, bem como o estado actual das estradas da região, foram entre outras recomendações saídas no encontro.

A próxima reunião está marcada para a cidade do Dundo, província da LundaNorte.