Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

29 Janeiro de 2013 | 20h47 - Actualizado em 30 Janeiro de 2013 | 09h37

Estabilidade económica projecta Angola no contexto internacional

Investimento

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Presidente da Associação dos Adidos de Defesa em Angola, coronel Bruno Zamboli, da Itália.

Foto: Angop

Luanda - O presidente da Associação dos Adidos de Defesa Militar acreditados em Angola, coronel Bruno Zamboli, da Itália, afirmou hoje, terça-feira, em Luanda, que a estabilidade económica de Angola projecta o país para um contexto internacional aceitável.

De acordo com o adido de defesa italiano que falava na cerimónia de cumprimentos de novo ao ministro da Defesa Nacional, Cândido Pereira Van-Dúnem, essa estabilidade económica confere a República de Angola um papel de "altíssima" responsabilidade a

nível regional e de absoluto respeito mundial.

Salientou que Angola tem parte activa na União Africana (UA), Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), Comunidade de Desenvolvimento da África Austral e Comunidade Económica dos Estados da África Central (CEEAC) e também nas Nações Unidas.

Por este facto, frisou que "o país vai assumindo, cada dia que passa, um papel ainda mais importante na segurança e na liderança do continente africano, aspecto que resulta do óptimo trabalho que foi feito até hoje".

Sublinhou que, enquanto continua no mundo uma crise económica que está a enfraquecer também os países economicamente mais fortes, Angola está a crescer com uma taxa perto dos dois dígitos e a chamar à atenção a nível mundial.

"A diversificação dos investimentos, a preparação dos quadros e a clarividência dos projectos de longo prazo, colocam Angola, economicamente, numa posição de privilégio e são muitas as nações que querem intensificar as relações económicas com

este país". destacou.

No capítulo militar, disse que o país já está no conjunto dos países que são produtores de segurança e que a sua política externa vai também neste sentido.

O oficial italiano acrescentou que um estado para ser um elemento activo e credível precisa de Forças Armadas como instrumento para a acção e adequadas para o efeito.

Referiu que, neste aspecto, Angola também está no bom caminho e que o processo de reedificação em curso nas Forças Armadas Angolanas colocam-nas numa posição de relevo neste contexto.

"O profissionalismo e a formação dos quadros, a reestruturação das unidades e a actualização da doutrina militar por meio da orientação firme e segura das altas individualidades da Defesa Nacional fazem com que as FAA sejam uma referência e um

exemplo para muitos países africanos", concluiu.

Apresentaram cumprimentos de novo ano ao ministro angolano da Defesa, doze adidos de defesa acreditados na República de Angola.

Assuntos Província » Luanda  

Leia também
  • 21/01/2015 19:12:27

    Angola: Constituição é instrumento de unidade dos angolanos

    Luanda - O secretário para organização periférica e rural do Comité Provincial do MPLA de Luanda, Bento dos Santos "Kangamba", considerou hoje, quarta-feira, a Constituição da República como um instrumento de unidade dos angolanos.

  • 21/01/2015 04:00:19

    Jovens da Ingombota aderem ao recenseamento militar

    Luanda - O posto de recenseamento militar, instalado junto as administrações comunais do distrito urbano da Ingombota, em Luanda, continuam a registar a afluência de jovens que responderam ao processo de cadastramento obrigatório, iniciado a cerca de 12 dias, para os cidadãos de sexo masculino nascidos até 1997.

  • 19/01/2015 16:36:23

    Angola: Registados mais de oitenta crimes em Luanda

    Luanda - Cento e cinquenta cidadãos foram detidos pela Polícia Nacional na província de Luanda, na última semana, na sequência do cometimento de 81 crimes diversos, anunciou hoje, segunda-feira, nesta cidade, o sub-inspector Euler Matari.

  • 16/01/2015 17:33:48

    Autoridades policiais evitam violações de fronteira no norte do país

    Luanda - A Polícia de Guarda Fronteira de Angola (PGFA) evitou, nas últimas 24 horas, seis tentativas de violações de fronteira nas províncias da Lunda Norte, Cabinda e Zaire.