Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

29 Outubro de 2010 | 22h23 - Actualizado em 30 Outubro de 2010 | 10h04

Empossados novos comandantes provinciais da Polícia Nacional

Tomada de Posse

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Luanda - O ministro do Interior, Sebastião Martins, conferiu hoje, sexta-feira, posse a sete novos comandantes provinciais recentemente nomeados, no âmbito do processo de rotatividade e movimentação de quadros ao nível da corporação.  

Trata-se dos comissários Eduardo Fernandes Cerqueira, anterior director Nacional de Investigação Criminal (DNIC), nomeado para exercer o cargo de comandante provincial da corporação no Bié, bem como Elias Livulo, que exerce agora o cargo de comandante provincial da polícia no Huambo.

Tomaram igualmente posse os comissários Francisco Pereira Paiva para comandante da corporação na província do Bengo, e Filipe Barros Espanhol, que vai dirigir os destinos da polícia no Moxico.

O comissário Eusébio Domingos e Costa, anterior director do Instituto de Ciências Policiais Osvaldo Serra Van-Dúnem, tomou posse como comandante provincial da polícia em Cabinda, enquanto Valmiro Verdades, agora também comissário, é o novo comandante provincial do Kwanza Sul. 

Já o comissário António Pedro Candela, antigo responsável da corporação em Cabinda, vai agora exercer o mesmo cargo na província do Namibe.

Os recém-empossados são cumulativamente delegados provinciais do Ministério do Interior nas respectivas províncias.

No mesmo acto, o Inspector-Geral do Comando-Geral da Polícia Nacional, Salvador Rodrigues "Dódó", foi promovido ao grau de Comissário-Chefe, enquanto Jorge Antunes "Jójó", comandante da Polícia de Guarda Fronteira, foi graduado a Comissário-Chefe.

Vários outros oficiais da corporação foram promovidos e graduados aos graus de sub-comissários e comissários, no âmbito da Lei 09/08 de 02 de Setembro que regula os Postos e Distintivos da Polícia Nacional.

O ministro do Interior desejou sucessos nos cargos para os quais os oficiais foram empossados, sublinhando que o acto marca um marco no grande percurso que a corporação tem feito para a garantia da ordem e tranquilidade pública.

"Pensamos que, efectivamente, aquilo que tem sido a prova e manifestação de vontade e a dedicação dos seus oficiais se multiplique e possa servir de referência para as novas gerações que vão integrando na nossa corporação", frisou.

Notou que os desafios da corporação são enormes e têm a ver com a preocupação de servir permanentemente a população e a sociedade 24 horas ao dia.