Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

31 Outubro de 2009 | 23h35 - Actualizado em 31 Outubro de 2009 | 23h35

António Didalelwa eleito primeiro secretário do MPLA

Cunene

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Ondjiva – Os participantes a VIII  Conferência provincial do MPLA no Cunene elegeram hoje, por unanimidade, António Didalelwa, como primeiro secretário do comité provincial do MPLA no âmbito do processo de renovação de mandatos e preparação do VI Congresso a decorrer em Dezembro proximo em Luanda.


O encontro, que teve a participação de 366 delegados, elegeu ainda o novo comité provincial integrado por 115 membros efectivo, 16 suplentes, três membros ao Comité Central e 100 delegados para VI Congresso.


Os participantes a conferência provincial, no seu comunicado final, reconheceram o trabalho realizado pelo comité cessante no tocante ao crescimento do partido e na materialização das orientações tomadas órgãos superiores do partido.


Por outro lado, recomendou o empenho e dedicação de todos quantos foram eleitos para o comité provincial a dedicação e empenho na mobilização da população, bem como na aplicação dos princípios estatuários do partido. 


Os delegados a VIII conferência apelaram ao governo local no sentido de envidar esforços para a conclusão e melhoramento da rede de transporte e distribuição da água e energia eléctrica a população.


Falando no acto de encerramento, o primeirio secretário eleito do partido, António Didalelwa, agradeceu a confiança dos delegados a conferência e a direcção do central do MPLA na pessoa do presidente do partido, José Eduardo dos Santos.


Disse que tudo fará para o cumprimento do programa do MPLA evocado nas eleições legislativas do ano transacto, bem como reforçar o funcionamento das diversas organizações de base do partido.


Por seu turno, o coordenador do Grupo de Acompanhamento do Comité Central do MPLA à província do Cunene, Alfredo Júnior elogiou de maneira democrática como foi conduzido o processo de eleição do novo primeiro secretário do partido na região e os restantes membros do secretariado.


Por outro lado, aconselhou a direcção da agremiação política no sentido de ter um espírito de abnegação nas obrigações partidárias para enfrentar os desafios futuros.


Entre os delegados presente, estiveram membros do secretariado da comissão executiva, primeiros e segundo secretários dos comités municipais do MPLA, JMPLA e OMA, chefes da subcomissão de candidaturas e dos comités de acção.

Assuntos Província » Cunene  

Leia também
  • 26/05/2014 14:13:51

    Cunene: SME regista intenso movimento migratório na semana finda

    Ondjiva - Treze mil e 52 cidadãos entre nacionais e estrangeiros entraram e saíram de Angola, nos últimos sete dias pela fronteira entre a província do Cunene e República da Namibia, contra os 11 mil 574 do período anterior, soube hoje, segunda-feira, a Angop, do balanço semanal do Serviço de Migração e Estrangeiros.

  • 14/05/2014 13:20:47

    Cunene: Seminário metodológico capacita membros da JMPLA

    Ondjiva - Um seminário de capacitação metodológico sobre a preparação do VII congresso da JMPLA reuniu hoje, quarta-feira, dirigentes e quadros da organização na província do Cunene.

  • 13/05/2014 13:16:10

    Cunene: Secretariado provincial da JMPLA reunido em sessão ordinária

    Ondjiva - Membros do secretariado da JMPLA no Cunene encontram-se reunidos nesta terça-feira, em Ondjiva, na sua IX sessão ordinária, para, dentre outros aspectos, balancear as actividades desenvolvidas no primeiro quadrimestre do ano e criar bases para a preparação do processo orgânico da organização.

  • 12/05/2014 14:01:43

    Cunene: Comité provincial da JMPLA reúne-se terça-feira em sessão ordinária

    Ondjiva - O Comité Provincial do Cunene da JMPLA realiza nesta terça-feira em Ondjiva, a sua nona reunião ordinária para analisar o plano de actividades desenvolvidas durante os cinco anos de mandato.