Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Lazer e Cultura

08 Maio de 2010 | 19h48 - Actualizado em 08 Maio de 2010 | 19h48

Escritores da província chamados a concorrer ao Prémio Nacional de Cultura

Benguela

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

 Benguela - O membro do corpo de júri do Prémio Nacional de Cultura e Artes edição 2010, na categoria de Literatura, António Costa, chamou, nessa sexta-feira, nesta cidade, a atenção dos escritores da província de Benguela para a necessidade de participarem no concurso, devendo para tal remeter as obras até ao dia 12 de Setembro deste ano para a competente avaliação.

António Costa, que falava à Angop a saída de um encontro com os autores, onde abordou-se o regulamento do galardão, encorajou a classe artística para concorrer com obras já publicadas em poesia, prosa (romance, conto, dramaturgia, novela e crónica) e na área de investigação das ciências sociais e humanas (antropologia, sociologia, psicologia, história, geografia, linguística, línguas nacionais e tradição oral).

?Ainda que os escritores locais não venham a ganhar desta vez, o mais importante é que continuem a trabalhar sem desanimar, isto porque um dia poderão ser laureados?, sublinhou, indicando que a iniciativa visa estimular quer a criação literária, quer a investigação científica no domínio das ciências sociais no seio da sociedade.

Segundo o responsável, o prémio foi instituído pelo Ministério da Cultura, de maneira a incentivar os artistas angolanos a prosseguirem a sua actividade no campo literário e social, primando sempre pela qualidade e pela atractividade em relação ao público.

Também explicou que a vinda a Benguela foi para estar a par daquilo que se está a produzir e a trabalhar na vertente cultural e, como existem alguns núcleos de artistas das mais distintas disciplinas, se refutou a ideia de que esse prémio era apenas de Luanda, quando na verdade é nacional.

Disse que ficou com uma impressão positiva, na medida em que há entusiasmo e ?vida? no campo da actividade literária em Benguela, razão por que se torna imprescindível a adesão dos autores ao Prémio Nacional de Cultura e Artes.

Questionado sobre os critérios do prémio, o interlocutor referiu que na

literatura se exige que os trabalhos tenham originalidade estética, sejam de cunho próprio e de carácter inovador e reflictam a identidade nacional, enquanto nas ciências sociais recomenda-se a qualidade e o rigor científicos, além da geração de oportunidades para se desenvolver estudos subsequentes na comunidade académica.

O entrevistado, para quem o anúncio dos vencedores está agendado para Novembro, salientou que o galardão é outorgado somente a cidadãos angolanos tanto na categoria individual quanto na colectiva, podendo ademais ser atribuído a título póstumo.

Aproveitou ainda a ocasião para apelar os órgãos de Comunicação Social locais a fim de divulgarem nos seus espaços informativos o prémio à sociedade, de tal sorte que haja uma boa participação dos escritores da província de Benguela.

No entanto, a delegação do corpo de júri, que também integrou o membro Zavoni Tondo (responsável para a área de ciências sociais) tem para o dia 25 de Maio prevista uma deslocação à província da Huíla com a finalidade de dinamizar a promoção e a divulgação da iniciativa.

O Prémio Nacional de Cultura e Artes é de periodicidade anual, estando cada uma das suas sete categorias (literatura, dança, teatro, música, artes plásticas, cinema e ciências sociais) avaliada em kwanzas o equivalente a 35 mil dólares americanos.

Leia também
  • 19/05/2014 15:48:13

    Benguela: Jovens aconselhados a valorizarem património histórico-cultural

    Benguela- A diretora interina do Museu de Arqueologia de Benguela, Aurora Faial, disse hoje, segunda-feira, que a instituição está a trabalhar para desenvolver, nos jovens, capacidades intelectuais que permitam valorizar o Patrimônio Histórico-Cultural do país.

  • 17/05/2014 18:12:23

    DVD sobre história da cidade é apresentado hoje aos benguelenses

    Benguela - O documentário em DVD intitulado "Cidade de Benguela 397 anos", da autoria do jornalista Ladislau Fortunato, será apresentado esta noite (sábado), à classe política, empresarial, religiosa e académica da província, durante uma gala que marca a passagem dos 397 anos da cidade de Benguela.

  • 14/05/2014 16:13:04

    DVD sobre história de Benguela é lançado hoje

    Benguela - A empresa Benguela Tv (produções audiovisuais) procede hoje (quarta feira), na feira internacional, ao lançamento e venda do DVD intitulado "Cidade de Benguela 397 anos de história, cultura, turismo, desporto e desenvolvimento".

  • 11/05/2014 23:26:31

    Colectivo d'artes André Mingas exibe peça "O sonho não realizado"

    Benguela - O drama de um casal à beira do divórcio por causa do comportamento polígamo do marido é o cerne da peça teatral intitulada "O sonho não realizado", exibida as 20 horas de hoje (domingo) no auditório da Mediateca de Benguela, pelo Colectivo d'artes André Mingas.