Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

03 Agosto de 2011 | 18h45 - Actualizado em 04 Agosto de 2011 | 09h09

Esperança de vida no país é de 49 anos

Angola

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Gráfico ilustra que população angolana é maioritariamente jovem

Foto: Angola

Luanda – O director do Centro de Estudos, Pesquisa e Desenvolvimento da Escola Nacional de Administração (Enad), José Riberio, disse hoje, quarta-feira, que a esperança de vida dos angolanos é de 49,1 anos.

O especialista em demografia deu esta informação quando falava sobre “Principais indicadores demográficos de Angola”, na conferência sob o tema "Contribuições para uma política pública sobre população, povoamento do território e desenvolvimento integrado", organizado pela Escola Nacional de Administração (Enad), e disse que esses dados foram extraídos do Inquérito sobre Bem-estar da População angolana (IBEP).

Segundo o técnico, embora a esperança de vida seja estimada em 49,1 anos, as pessoas que habitam os centros urbanos podem chegar aos 54,6 anos, ao passo que as das zonas rurais têm uma esperança aproximada aos 43 anos.

Disse também que o nível de escolaridade das pessoas influencia bastante na sua esperança de vida, sendo que aqueles sem nível de escolaridade têm probabilidades de atingir os 44 anos, os que possuem o nível primário 48 anos, enquanto que chegaram ao ensino secundário em diante poderão chegar aos 61 anos. 

O fórum que está a abordar, entre outros temas, a “ Distribuição espacial da população angolana, experiências de povoamento na América do Sul, como foco no caso Brasil, e Visão prospectiva sobre as migrações e distribuição espacial da população em Angola, terminou hoje e contou com a participação de deputados, governantes e directores de diversos ministérios.