Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

09 Janeiro de 2010 | 06h53 - Actualizado em 09 Janeiro de 2010 | 06h52

Variação do preço de petróleo destaca-se no noticiário económico da semana

RESENHA

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Luanda - O anúncio da variação do preço do barril de petróleo Brent Datado, no primeiro trimestre de 2010, entre os 75 e 80 dólares norte-americanos, segundo dados do Ministério dos Petróleos de Angola constituiu destaque do noticiário económico da Angop, na semana que hoje termina.

De acordo com dados do Ministério, até Novembro do ano transacto (2008), o barril d crude estava a ser vendido ao preço de 76,655 dólares norte-americanos mas hoje está cotado a USD 77, 7.

Por decisão dos países membros da OPEP, desde Dezembro passado, a produção petrolífera do cartel foi reduzida, na busca de estabilização de preços, face à instabilidade no mercado internacional .

De igual modo, destacou-se durante, a semana, a pretensão do Ministério da Indústria em diversificar a actividade do sector com fábricas têxteis, cafeícolas, alimentícias, de materiais de construção civil, moagens e serrações.

Ao debruçar-se sobre o assunto o ministro Joaquim David disse haver também necessidade de se implementar projectos industriais, em todo território (nas 18 províncias do país), de modo a se diminuir o índice de dependência dos sectores petrolífero (mais de 90 porcento desta indústria é offshore) e diamantífero.

Avançou estar-se a trabalhar com indústrias do meio rural, num apoio a um programa de comercialização, uma iniciativa do Ministério do Comércio, assim como se pretende aderir à micro-indústria nos vários domínios da vida económica com projectos gizados em 2009, de acordo com as prioridades de cada província.

A entrada em funcionamento, de pelo menos 30 unidades fabris de diversos ramos de actividade já a produzir, desde o ano transacto, no Pólo de Desenvolvimento Industrial do Município de Viana (PDIV), mereceu também destaque noticioso.

Mereceram ainda relevo no noticiário económico da Angop, as retrospectivas sobre a realização, em Abril de 2009, da Conferência sobre o relançamento da indústria transformadora no período 2009/2012, como um ponto de partida para o desenvolvimento do sector industrial em Angola.

A preconizada revitalização do sector, abordada na conferência, constituiu grande aposta do Governo angolano no sentido de querer ver reabilitado o parque industrial com maior impacto para infra-estruturas ligadas às estradas, águas, energia eléctrica, pontes e caminhos-de-ferro.

Sobre as retrospectivas destacou-se também o investimento, pela TAAG - Linhas Áreas de Angola, de cerca de dois milhões de dólares, mediante acções de formação contínua dos quadros da durante o ano findo, como houve informado o porta-voz da sua Comissão de Gestão, Rui Carreira.

O responsável e também coordenador adjunto da referida comissão adiantou que no mesmo período a TAAG realizou 90 acções de formação e refrescamento no seu centro de instrução, envolvendo cerca de mil e 800 formandos.

Outro assunto destacado foi a declaração do embaixador de França em Angola segundo a qual Angola deve continuar apostar no desenvolvimento agrícola e humano, por serem áreas fulcrais para o progresso duma nação.

O diplomata francês fez o pronunciamento numa cerimónia para assinalar o fim da sua missão em Angola.

Assuntos Província » Luanda  

Leia também
  • 26/05/2014 18:51:03

    Angola: Ministério da Energia e Água investe USD 23 mil milhões

    Luanda - O Ministério da Energia e Água investiu 23 mil milhões de dólares (um dólar vale 100kwanzas) para melhorar a rede de transporte e distribuição de energia eléctrica, disse hoje, em Luanda, o secretário de Estado das Águas, Luís Filipe da Silva.

  • 26/05/2014 18:46:12

    Angola: Porto Mineiro de Lobito melhora ambiente de investimentos

    Luanda - O Porto Mineiro de Lobito e a futura linha férrea do Lobito (Benguela) vão melhorar o negócio e o ambiente de investimento regional, admitiu hoje, em Luanda, a presidente do Conselho de Administração da Agência Nacional para o Investimento Privado (ANIP), Maria Luísa Abrantes.

  • 26/05/2014 18:40:23

    Angola: BM quer apoiar Plano Nacional de Desenvolvimento 2013-2017

    Luanda - O Banco Mundial (BM) perspectiva disponibilizar a Angola um bilião de dólares para apoiar o Plano Nacional de Desenvolvimento 2013-2017, admitiu hoje, segunda-feira, em Luanda, o director das operações para Angola do grupo BM, Gregor Binkert.

  • 26/05/2014 18:36:36

    Angola: Programa Angola Investe financia pequenas empresas

    Luanda - O Programa Angola Investe permite que as micro, pequenas e médias empresas, tenham acesso a financiamentos bancários com baixos custos financeiro, através de juros bonificados e com garantias públicas, disse hoje, em Luanda, a secretária de Estado da Economia, Laura Alcantra Monteiro.