Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Desporto

10 Maio de 2013 | 01h52 - Actualizado em 10 Maio de 2013 | 01h52

1º de Agosto perde e compromete a liderança do Bai Basket

Basquetebol

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Luanda – O 1º de Agosto perdeu quinta-feira, na primeira partida da terceira volta da fase final do campeonato nacional sénior masculino de basquetebol (Bai Basket), frente ao Petro de Luanda por 93-98 e comprometeu a liderança da competição ficando a diferença de um ponto em relação ao seu oponente directo Recreativo Libolo. 

Na partida que se disputou no Pavilhão do Rio Seco, durante os doze primeiros minutos, as duas formações apresentaram-se muito equilibradas e os empates foram a tónica do período, mas tendo os donos da casa vencido por três pontos de diferença (25-22).

No segundo quarto, foram os "militares" que começaram a distanciar-se no resultado em que até aos 6 minutos este já vencia o adversário por diferença de dez pontos (36-26), na resposta os petrolíferos conseguiram reduzir a vantagem numérica e empataram a partida 46-46 margem que ficou até ao intervalo.

Desta, no reatamento (terceiro período), a história foi a mesma a equipa caseira destacava-se   desta com a diferença de 10 pontos, os visitantes melhoraram a sua prestação ofensiva e voltaram a empatar desta por 68-68.

O Petro vendo que objectivo do adversário era estabilizar a vantagem para gerir depois, Lazare Adingono, contrariou com jogadas em contra-ataques rápidos para envolver os militares a falta o que resultou.

Quando Paulo Macedo técnico do 1º de Agosto pediu para acalmar a equipa o adversário já tinha a lição estuda porque o cansaço já dominava o grémio da casa e assim o Petro controlou o jogo e embora com uma diferença insignificante de cinco pontos (98-93), puseram a liderança da competição em aberto.

Neste capitulo, o 1º de Agosto mantém na liderança com 12 pontos, o Libolo na posição seguinte com menos um e o Petro de Luanda e Interclube com 10 nas posições seguintes.

Na partida o extremo base Carlos Morais do Petro de Luanda foi o melhor marcador com 27 pontos, seguido do Poste do 1º de Agosto, Reggie Moore, com 22.

Com arbitragem de António Bernardo coadjuvado por Mbunga Pedro e Figueiredo Cruz: as equipas alinharam da seguinte forma: 

1º de Agosto: Armando Costa (03), Adilson Baza (02), Edimir Lucas (13), Reegie Moore (22), Felizardo Ambrósio (15), Joaquim Gomes (13), Cedric Isom (17), Carlos Almeida (06), Agostinho Coelho (00), Hermenegildo Santos (00), Francisco Machado (00) e Islando Manuel (02).

Técnico: Paulo Macedo

Petro Luanda: Pedro Bastos (02), Braulio Morais (17), Carlos Morais (27), Keith Cothran (14), Paulo Barros (00), Paulo Santana (06), Miguel Kiala (06), Erick Norman (00), Leonel Paulo (08), Parfait Moto (05), Hermenegildo Mbunga (13), Abdel Gomes (00).

Técnico: Lazare Adingono.