Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Desporto

16 Maio de 2012 | 21h18 - Actualizado em 17 Maio de 2012 | 08h45

Adeptos "aceitam" jovens de Filemon

Futebol

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Adeptos apoiam renovação dos Palancas Negras

Foto: ANGOP

Luanda - Cerca de 20 mil pessoas deslocaram-se hoje ao estádio 11 de Novembro, em Luanda, para assistir ao jogo amistoso entre as selecções de Angola e da Zâmbia, na estreia do técnico Romeu Filemon à frente dos Palancas Negras. No final aplaudiram.

  

Ansiosos para avaliarem a prestação dos jogadores, na maioria novatos, os adeptos vestidos com as cores nacionais, como tem sido corrente nos encontros desta dimensão, os espectadores começaram por aplaudir efusivamente a equipa nacional, desde o aquecimento até entrada em campo.

  

Fora a ausência de Job no onze inicial, tudo estava como era esperado, principalmente a dupla de ataque formada pelos dois goleadores do Girabola (Kembua e Yano). Pelos comentários antes e durante era notória a unanimidade quanto ao ataque. Depois de muita expectativa, começou o jogo. O relógio marcava 16h10.

  

Cada drible ou remate as vozes ecoavam e os 20 mil pareciam 30. Aos três minutos, Bastos, de cabeça, obrigou o guarda-redes zambiano a uma defesa de recurso e o público vibrou como se de um golo se tratasse. No mesmo minuto, Kembua também mereceu aplausos, rematando para fora quando estava isolado.

  

Seguiram-se vários lances ofensivos e defensivos, bons e maus, mas golos nada. Djalma, com bons pormenores técnicos, deliciava os presentes, ávidos de golos e bom futebol, com fintas. Mas continuava a faltar o mais importante numa partida.

 Na segunda parte, a entrada de Job ajudou os adeptos a puxarem mais pela selecção. Mas neste período a táctica se sobrepôs a técnica e os adeptos esporadicamente apoiavam os Palancas. No final, num sinal de aceitação, os adeptos aplaudiram os jogadores pela exibição.

De uma forma geral, a aposta nos jovens é consensual e tendo em conta o pouco tempo de trabalho a prestação diante da Zâmbia (0-0) é aceitável.

Assuntos Província » Luanda  

Leia também
  • 26/05/2014 18:04:47

    Desporto adaptado em África reclama apoios dos executivos

    Luanda - Em 51 anos de existência da Organização da Unidade Africano (OUA), hoje União Africana (UA), o desporto para deficientes no continente berço da humanidade carece de programas assumidos pelos estados, registando-se ainda determinados “tabus”como o facto de nalguns países a actividade ser considerada de recreação e tutelada pelos Comités Nacionais Olímpicos com fraco grau de consideração.

  • 26/05/2014 17:56:23

    Piloto Cowboy conquista ?GP? da Juventude

    Luanda - O piloto Dimas Mateus "Cowboy", ao volante de uma Honda CBR, venceu domingo, em Luanda, o Grande Prémio da Juventude em motociclismo, na classe Evo600, disputado no Autódromo de Belas.

  • 26/05/2014 17:50:30

    Vitória satisfaz técnico do Lesotho

    Luanda - O técnico da selecção nacional de sub-20 do Lesotho, Moses Maliehe, mostrou-se domingo satisfeito com a passagem à última fase de acesso ao campeonato africano das nações (CAN) a disputar-se em 2015 no Senegal, após vitória sobre Angola, por 1-0, em jogo da segunda mão,disputado no estádio dos Coqueiros.

  • 26/05/2014 15:37:31

    Técnico da selecção de sub-20 lamenta derrota

    Luanda - O técnico da selecção nacional de futebol de sub-20, Augusto Manuel, lamentou domingo, em Luanda, o afastamento da corrida de acesso ao Campeonato Africano das Nações (CAN), a disputar-se em 2015, no Senegal, após derrota de 0-1 diante do Lesotho, em jogo da segunda mão, disputado no estádio dos Coqueiros.