Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Desporto

16 Maio de 2012 | 21h18 - Atualizado em 17 Maio de 2012 | 08h45

Adeptos "aceitam" jovens de Filemon

Futebol

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Adeptos apoiam renovação dos Palancas Negras

Foto: ANGOP

Luanda - Cerca de 20 mil pessoas deslocaram-se hoje ao estádio 11 de Novembro, em Luanda, para assistir ao jogo amistoso entre as selecções de Angola e da Zâmbia, na estreia do técnico Romeu Filemon à frente dos Palancas Negras. No final aplaudiram.

  

Ansiosos para avaliarem a prestação dos jogadores, na maioria novatos, os adeptos vestidos com as cores nacionais, como tem sido corrente nos encontros desta dimensão, os espectadores começaram por aplaudir efusivamente a equipa nacional, desde o aquecimento até entrada em campo.

  

Fora a ausência de Job no onze inicial, tudo estava como era esperado, principalmente a dupla de ataque formada pelos dois goleadores do Girabola (Kembua e Yano). Pelos comentários antes e durante era notória a unanimidade quanto ao ataque. Depois de muita expectativa, começou o jogo. O relógio marcava 16h10.

  

Cada drible ou remate as vozes ecoavam e os 20 mil pareciam 30. Aos três minutos, Bastos, de cabeça, obrigou o guarda-redes zambiano a uma defesa de recurso e o público vibrou como se de um golo se tratasse. No mesmo minuto, Kembua também mereceu aplausos, rematando para fora quando estava isolado.

  

Seguiram-se vários lances ofensivos e defensivos, bons e maus, mas golos nada. Djalma, com bons pormenores técnicos, deliciava os presentes, ávidos de golos e bom futebol, com fintas. Mas continuava a faltar o mais importante numa partida.

 Na segunda parte, a entrada de Job ajudou os adeptos a puxarem mais pela selecção. Mas neste período a táctica se sobrepôs a técnica e os adeptos esporadicamente apoiavam os Palancas. No final, num sinal de aceitação, os adeptos aplaudiram os jogadores pela exibição.

De uma forma geral, a aposta nos jovens é consensual e tendo em conta o pouco tempo de trabalho a prestação diante da Zâmbia (0-0) é aceitável.

Assuntos Província » Luanda  

Leia também
  • 24/08/2013 21:12:12

    Revalidações e conquistas marcam campeonatos de Luanda

    Na competição masculina de sub-18, proeza para Erikson Morais (Protector) que revalida o título ao vencer hoje, na final, Fernando André (Prometeu), por 2-1 (sets), com os parciais de 6-0, 4-6 e 4-1 (desistência no terceiro sete). Em femininos, para a mesma categoria, Nádia Costa ...

  • 24/08/2013 08:42:50

    FABOXE suspende atleta que agrediu árbitro no campeonato nacional

    Didi Mampuya agrediu o árbitro no dia 18 de Agosto na última jornada do campeonato nacional, após a divulgação do resultado do combate, que defrontou Ferdinande Pedro do Electro Lobito. De acordo com o comunicado, chegado à Angop sexta-feira, o pugilista fica suspenso de toda a actividade ...

  • 24/08/2013 08:27:41

    Angola estreia-se no africano de Andebol em cadetes diante da Zâmbia

    As zambianas que foram repescadas, devido a desistência da Argélia e Gabão, vão fazer o seu baptismo na competição onde Angola parte como grande favorita em função dos dois títulos consecutivos alcançados. A terceira equipa do grupo A é a selecção da Tunísia. A competição vai ser ...

  • 24/08/2013 08:04:57

    Cruz Vermelha realiza curso de primeiros socorros para o hóquei em patins

    Segundo uma nota chegada à Angop, o curso está dividido em duas partes, sendo a primeira virada ao socorrismo básico. A segunda contempla técnicos de socorrismo de proximidade (TPS) e tem como objectivo difundir conhecimentos gerais de primeiros socorros para que o formando fique habilitado em ...